terça-feira, outubro 18, 2005

 

Maturidade e querer

Registo de algumas das muitas, e muito empenhadas, acções de campanha dos adversários de SANTA CLARA VIDA NOVA.
Mas quem, melhor do que Santa Clara, para resistir a "furacões"?




In Açores 16 Out-2005 ________In AO 05 Out - 2005

("Clickando" sobre cada uma das imagens permite ampliar e ler)

........

Quem se der ao trabalho de fazer uma leitura global dos resultados eleitorais em Santa Clara – “Livra, até sinto ciúmes; só falam da Fajã de Baixo. Será que Santa Clara regressou ao habitual esquecimento?”, vai deparar-se, S.E.O. (anotei estes dados a partir dos editais afixados), com os seguintes resultados:


Ass. Municipal PD..... - 586 PSD / 272 PS / 44 CDU / 42 BE / 16 CDS/PP;
Câmara Municipal PD. - 689 PSD / 217 PS / 39 CDU / 26 BE / 9 CDS/PP;
Ass. de Freguesia SC. - 486 SANTA CLARA VIDA NOVA / 473 PSD.


Logo, há aqui, pelo menos uma, conclusão óbvia e indesmentível: dos 486 votantes em SANTA CLARA VIDA NOVA, 195 também contribuiram para a vitória de Berta Cabral, e destes, 112 para a de Dionísio Leite!
Visto desta forma, e tendo em conta a poderosa campanha visível a que se assistiu (o extraordinário empenho e directo envolvimento de Berta Cabral numa disputa de freguesia, acrescido do, por demais inusitado, também grande envolvimento da Junta de Freguesia de São José na mesma contenda), e para além desta, da manhosa campanha invisível (utilizando um ridículo, insistente e doentio anticomunismo a fazer lembrar “outros tempos”. E que continua após as eleições!) com que alguns foram minando o terreno, ganha redobrado realce a maturidade e o querer de quem será que ainda é necessário referendar? , desde há longos anos, sempre deixou muito claro desejar fazer de Santa Clara uma freguesia!

Do próprio. In Açoriano Oriental/Crónicas do Aquém




<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?